Seja bem vindo
São Paulo,22/02/2024

      • A +
      • A -
      Publicidade

      O Cânon Sagrado

      Já ouviu falar sobre o Cânon Sagrado?


      O Cânon Sagrado

      A palavra cânon origina do termo Grego, que significa “vara reta de medir” usada muito na engenharia, já na gramática, na música e na filosofia, era utilizada para definir se algo era errado ou correto, verdadeiro ou falso. Quando algo deveria seguir um padrão, se dizia que esse algo deveria seguir um cânon, a exemplo disso, é o padrão das arquiteturas egípcias, que sempre seguiam um mesmo critério e padrão, um mesmo cânon.



      Nesse caso, o cânon equivale a uma totalidade de escritos, seguindo os critérios de uma comunidade de Fé, pois para um texto ser considerado como um cânon, ele precisa ter três características, que são; sobrevivência, adaptabilidade e influência. Essas três características são vistas nas escrituras sagradas, por exemplo o cânon do Antigo testamento e do Novo Testamento, percebe-se que mesmo passando pelas perseguições tanto no velho quanto no novo testamento ouve a sobrevivência dessa cultura, e o texto também, é nítida a forma como esse texto se adaptou ao período de perseguição, e o terceiro ponto, que é a influência, e vemos claramente a importância da influência que as escrituras tiveram em todas as épocas, a forma como contagiava e fortalecia, pois nutriu a esperança as comunidades que ali participavam.



      Sobre o ponto de vista bíblico, que divide-se em duas partes, o Antigo Testamento e o Novo Testamento, que para serem considerados cânon, teve que passar por dois processos, que era passar por uma análise, cada um dos livros que compõe a bíblia tiveram um rigoroso critério de verificação, e foi assim que foi entendido sobre essa coletânea da Bíblia, pois deixaram de ser apenas livros, e passaram a ser algo verificado e provado na verdade.




      COMENTÁRIOS

      Buscar

      Alterar Local

      Anuncie Aqui

      Escolha abaixo onde deseja anunciar.

      Efetue o Login